Home

O Núcleo de Apoio Discente e Acessibilidade - NApA do Centro Universitário do Planalto Central Apparecido dos Santos – UNICEPLAC foi criado no primeiro semestre de 2015 e está subordinado a Coordenação Acadêmica na implementação da Educação Inclusiva e Acessibilidade.

O objetivo do NApA é prestar atendimento personalizado ao aluno para condução adequada do processo de aprendizagem em meio a dificuldades que possam desestabilizá-lo no âmbito acadêmico. E, ainda, oferecer um acolhimento inicial prioritário em nosso Espaço Acolher, nas situações de estresse vivenciadas pelos nossos alunos, oriundas de várias situações que requerem atenção.

Propicia o acesso dos alunos, acompanhamento da aprendizagem e às necessidades, favorecendo a permanência, por meio de redução de barreiras que obstaculizam o acesso a espaços, conhecimentos, bens culturais, científicos e interações sociais no ambiente acadêmico (arquitetônicas, comunicacionais, informacionais, atitudinais e curriculares). É um espaço que concentra educação especial e acessibilidade, funcionando como uma instância para ao atendimento direto dos discentes e de orientações a gestores, docentes, técnicos e demais discentes que compõem a comunidade acadêmica, visando à aprendizagem e uma formação de qualidade.

O Núcleo realiza a promoção e prevenção da saúde mental por meio de palestras, rodas de conversa, oficinas psicoterapêuticas em âmbito de curso, na tentativa de conscientizar o acadêmico, sobre as estratégias pessoais na resolução de possíveis obstáculos na sua vida acadêmica.

 
Voltar ao topo

Acolhimento ao Estudante

O estudante ao demonstrar interesse pelo UNICEPLAC recebe acolhimento e orientação via Central de Relacionamento com Aluno – CRA que acompanhará os processos seletivos em todos os níveis acadêmicos por meio de recursos e serviços de inclusão. São assegurados acessos aos espaços comuns, como biblioteca com computadores reservados para pessoas com deficiência proporcionando acessibilidade aos usuários especiais. A biblioteca disponibiliza 04 computadores com o DOSVOX, sistema que se comunica com o usuário através de síntese de voz, viabilizando, deste modo, o uso de computadores por deficientes visuais, que adquirem assim, independência no estudo, o V-LIBRAS, tradutor da língua portuguesa para libras, esse sistema auxilia na comunicação de pessoas com deficiência auditiva e o NVDA, um leitor de tela com utilização de síntese de voz em mais de quarenta idiomas. 


Promover a garantia e logística de adaptações de espaços institucionais adequados em parceria com o CRA, aos alunos com mobilidade reduzida, permanente ou temporária, usuários de cadeiras de rodas ou outras deficiências físicas/motoras.

 Oferta tradutor em LIBRAS aos alunos com surdez ou deficiência auditiva, em sala de aula, laboratórios e eventos institucionais.

Realiza apoio psicopedagógico, psicológico e orientação profissional aos alunos que apresentam dificuldades nas questões sociais e psicológicas pela equipe no Núcleo de Apoio ao Discente e Acessibilidade.

O UNICEPLAC é totalmente sinalizada com piso tátil e placa em braile, banheiros para o público acessível para pessoas com deficiência, rampas de acesso, vagas de estacionamento, corrimão sinalizado, elevadores e portas acessíveis.

  Voltar ao topo

Formação Pedagógica

O Núcleo de Apoio ao Discente e Acessibilidade oferece orientação aos docentes e coordenações sobre formas de adaptações curriculares e metodológicas pertinentes as questões individuais do discente.  Oferta palestras, debates, oficinas em prol da sensibilização do corpo administrativo e docente sobre a temática de educação inclusiva e acessibilidade.

Discussão e orientação reflexivas em rede multiprofissional, entre todos os envolvidos pela Comissão de Acessibilidade do UNICEPLAC em prol do processo de ensino e aprendizagem com vistas à promoção de um ensino inclusivo, acessível e que respeite as diferenças.

Promove adequações no planejamento educacional do discente, com vistas em estratégias e recursos necessários a situação apresentada pelo aluno e pela turma, tendo como base o desenvolvimento pedagógico, bem como os atendimentos realizados junto a equipe multiprofissional, coordenação do curso e família.

Acompanhar e implementar estratégias como atendimento individualizado ao aluno, a turma, com grupos de estudos e monitorias por meio de atividades adaptadas a cada necessidade.

Para auxiliar o professor, são disponibilizados os seguintes suportes: teclados com tradução em Braille, tradução em LIBRAS, elaboração de maquetes, utilização de recursos via software, entre outros.

Ao aluno EaD é disponibilizado consulta Psicopedagogia, Psicológica e Orientação profissional via plataforma virtual conforme autorizado pelo Conselho Federal de Psicologia por meio da Resolução nº 11/2018

O NApA mantem os registros dos discentes que necessitam de alguma acessibilidade em prontuários a ser disponibilizado para consulta dos coordenadores de cursos e professores.

Voltar ao topo

Recuros de Educação Inclusiva Acessibilidade

O presente programa visa tornar as ações do Núcleo compatíveis com os referenciais de acessibilidade adotados na educação superior, bem como sistematizando os aspectos:

 

a)    Acessibilidade atitudinal - Remoção das barreiras de preconceito em relação ao outro. A instituição implementa ações e projetos relacionados à acessibilidade em toda sua amplitude, uma delas a criação do Núcleo de Apoio Discente e Acessibilidade que é um indicativo da existência da acessibilidade atitudinal.

 

b)    Acessibilidade arquitetônica - Eliminação das barreiras ambientais físicas, apresentada por meio da existência de rampas de acesso, banheiros adaptados, piso tátil, estacionamento priorizado, indicadores em Braille, etc.

 

c)    Acessibilidade metodológica - Relacionada à atuação docente em sala de aula com promoção de processos de diversificação curricular, flexibilização e utilização de recursos para viabilizar a aprendizagem da Pessoa com Deficiência - PcD.

 

d)    Acessibilidade nas comunicações – Remoção de barreiras na comunicação interpessoal, escrita e virtual. Presença de intérprete na sala de aula em consonância com a Lei de Libras – e Decreto de Acessibilidade, laboratórios de informática, etc.

 

e)    Acessibilidade Digital – Eliminação de barreiras de comunicação digital, equipamentos e programas adequados, de conteúdo e apresentação da informação em formatos alternativos. Acervo em formato acessível à Pessoa com Deficiência - PcD.

 

Caso seja verificada a dificuldade do discente em aprender e acompanhar o grupo, oferece-se recursos adequados, reestruturação curricular e metodologias diferenciadas, assim como uma última alternativa, outra opção de curso como demonstração a concretização da inclusão.

É evidenciada a necessidade do treinamento de profissionais envolvidos no processo ensino-aprendizagem, como coordenadores, professores e demais funcionários com especialistas em cada área, oferecendo suporte para o atendimento ao aluno.

Voltar ao topo

Metodologia

a)  Público Alvo

O processo ensino aprendizagem demanda o envolvimento interpessoal professor aluno, bem como com muitos outros funcionários dentro do âmbito acadêmico, embora tenha o público alvo definido como discente, o envolvimento de demais atores do processo da educação superior se faz necessária, tanto da esfera administrativa, quanto à esfera diretorial, e todos aqueles que estão direta ou indiretamente integrados à vivência do estudante da instituição.

 b)  Equipe Técnica

Coordenadora e Psicóloga: Juliene Azevedo Oliveira | juliene.oliveira@uniceplac.edu.br

Psicóloga: Juliana dos Santos Cardoso | juliana.santos@uniceplac.edu.br

Psicóloga: Euzébia Rodrigues Lima | euzebia.lima@uniceplac.edu.br

c)  Desenvolvimento estratégico

Divulgação do serviço oferecido aos estudantes por meio de canais como portal acadêmico via site institucional, avisos e cartazes em meio freqüentado pelos acadêmicos em espaços de convivência.

Atividades buscando compreender as demandas específicas por meio de entrevistas individuais com o corpo docente e coordenação de cursos, a fim de direcionar as ações no âmbito dos cursos.

O espaço destinado ao setor de atendimento do NApA, receberá os alunos encaminhados dos diversos cursos para consulta inicial e para respectivo diagnóstico das dificuldades de aprendizagem, acessibilidade, dificuldade de adaptação, no sentido de desenvolver um trabalho integrado e completo.

Plantão psicopedagógico em dias e horários específicos, anexado em local visível, para atendimento a partir de demandas individuais espontâneas, auxiliando no processo de ensino-aprendizagem a partir do lidar com os conflitos particulares de cada discente em âmbito acadêmico.

Voltar ao topo

Resultados Esperados

  •  Melhora na integração entre corpo docente e discente;
  • Efetividade do processo ensino-aprendizagem;
  • Ampliação da auta-estima, o auto-conhecimento do corpo discente com conseqüente ampliação da capacidade de atuação docente;
  • Soluções para dificuldades de aprendizagem individuais;
  • Diagnósticos, terapêuticas e acessibilidade, demandados pelos alunos PCDs;
Voltar ao topo

Equipe e Contato

Coordenadora e Psicóloga: Juliene Azevedo Oliveira | juliene.oliveira@uniceplac.edu.br

Coordenadora do Núcleo de Atendimento ao Discente e Acessibilidade-NApA, Psicóloga e Psicopedagoga, Mestre em Educação Física e Saúde, Doutoranda em Ciências da Saúde. Desde janeiro de 2016 é docente do Curso de Medicina do UNICEPLAC.

Psicóloga: Juliana dos Santos Cardoso | juliana.santos@uniceplac.edu.br

Bacharela e licenciada em Psicologia, Especialista em Saúde Mental, Especialista em Neuropsicopedagogia, Educação Especial e Inclusiva, Mestre em Educação Física e Doutoranda em Ciências da Saúde, docente do Curso de Psicologia e Psicóloga Clínica no NApA do UNICEPLAC.

Psicóloga:  Euzébia Rodrigues Lima | euzebia.lima@uniceplac.edu.br

Bacharela em Psicologia, atuou durante anos com atendimento ao cliente. Desde junho de 2016 é colaboradora da Uniceplac, tendo iniciado como Analista de Recursos Humanos Júnior, cargo que ocupou por 02 anos. Em 2018 foi convidada a atuar como psicóloga do NApA. Atualmente, tem se dedicado às demandas psicopedagógicas e administrativas no setor.

Telefone: (61) 3035-1817

Voltar ao topo